Bolivia 20/05/2010

Titicaca lake, Copacabana – Bolivia

Imaginar que poderiamos dormir bem foi ilusão. Aqui, alem do frio, o ar é muito seco. Viemos de muita altitude e  estamos sentindo os efeitos. Marcelo  tosse. Preocupante pois não fizemos seguro saúde para viajar e se ficarmos doentes aqui não sei onde procurar ajuda.

Partindo de Copacabana

O café do hotel é terrivel. Pagamos a conta, trocamos dinheiro e compramos as passagens para La Paz, de ônibus é claro. Saímos as 10h, após muito tumulto para carregar dezenas de sacas de sementes no mesmo onibus, discussões sobre  gorjetas com as cholas e até alguns acidentes…o motorista, um senhor de idade, ficava subindo e descendo do teto do ônibus; até cair uma saca de batatas sobre ele, e, ser xingado em varias linguas.

A viagem de Copacabana a La Paz é muita bonita, com muitos contrastes. Ficamos quase toda a viagem margeando o Lago Titicaca. As unicas arvores que podem ser observadas são eucaliptus e pinus, plantados é claro. Parece que por aqui não tem vegetação nativa, um solo lunar. Muito seco, com muitas pedras e uma população muito simples. Em alguns lugares temos visões pitorescas, como suinos amarrados em canteiros como cães, para mexer a terra. As casas são muito pobres.

Cruzamos o Titicaca mais uma vez, em um barco. Finalmente as 14h chegamos em La Paz. A região metropolitana de La Paz é muito pobre. Os motoristas são totalmente loucos e o transito…..não tenho palavras. Compramos as passagens para o Salar de Uyuni e fomos descansar no hotel. A cidade fica em uma cratera, cercada de construções simples, sem cores. Minha primeira impressão não é boa. Aqui tambem tem muita altitude e a noite faz muito frio.

Tentamos conhecer algumas lojas, comemos algumas empanadas, compramos tambem as passagens de saida da Bolivia. Depois de toda esta corrida chegou a hora de ir à rodoviaria para a maior aventura.

Aqui preciso fazer um adendo de como tudo isso começou. Em janeiro eu recebi um arquivo .pps sobre o Salar de Uyuni. Muito lindo, com fotos maravilhosas. Marcelo me perguntou o que achava de irmos e é claro que eu não podia amarelar…depois o roteiro foi aumentando até o limite do prazo, dinheiro e forças.

La Paz, Bolivia

Liguei para casa, dar noticias, mas deu uma saudade tão grande, preocupação por estarmos tão longe de pessoas que gostamos, debulhei-me em lagrimas. Estavamos  cansados, dormindo pouco, enfrentando altitude e frio. Estava na hora de reduzir o ritmo. Porem, até o destino serão 12h de ônibus….que Deus nos proteja.

Titicaca lake

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s